Avançar para o conteúdo principal

Deputados ganham 6 Mil € para ir a casa! Sim, leu bem, 6 Mil €!

Quase todas as publicações, aliás, baseiam-se num artigo do "Jornal de Notícias", publicado na edição de 15 de julho, segundo o qual "no ano passado, a Assembleia da República gastou mais de 1,3 milhões de euros com o abono de deslocação à residência dos deputados, o que dá uma média de 6.156 euros por cada um, se dividirmos o valor pelos 213 parlamentares que usufruíram deste subsídio. 
Este ano, o valor já vai em 803 mil euros, o que significa que, até julho, os deputados terão recebido em média 3.773 euros para as viagens semanais até casa. Mas aquele que é mais um de vários apoios transformou-se num abono que está a dar 'lucro' a muitos deputados".
"Como o regulamento da atribuição deste subsídio só prevê o pagamento calculado ao quilómetro (0,36 cêntimos) entre o Parlamento e a sua residência, numa deslocação terrestre por carro particular, quem opta pelos transportes públicos acaba muitas vezes por ser beneficiado. Exemplificando: um eleito pelo Porto recebe, em média, 108 euros pelos cerca de 300 km percorridos, mas de comboio o bilhete custa 31,20 euros no Alfa e 19 euros na Rede Expressos. O montante varia consoante a deslocação e podem acrescer custos adicionais, como táxis", informa o mesmo artigo."
"A verdade é que a maioria dos deputados dos círculos fora de Lisboa - principalmente os de Aveiro, Coimbra, Porto, Braga ou Viana do Castelo - deslocam-se de comboio ou autocarro, o que lhes permite um encaixe que pode chegar aos 100 euros por viagem, entre o que recebem para uso do carro particular e o preço do transporte público. Esta modalidade mantém-se há muitos anos e a recente alteração das regras - para responder às exigências de um relatório crítico do Tribunal de Contas (TdC) ao modo de atribuição de subsídios e também às polémicas com a questão da declaração das moradas - voltou a não apertar a malha."


Mensagens populares deste blogue

Última Hora: Portugueses vão pagar 2,15 Mil Milhões de Euros para o Novo Banco!

É O DESCALABRE... É A VERGONHA... É A FALTA DE TUDO!

Já chega! Não somos obrigados a pagar estes valores. Um novo empréstimo de 1149 milhões de euros já este ano. Mais um de 600 milhões de euros em 2020. Outro de 400 milhões de euros em 2021.

E agora? Ainda vão querer ficar em casa e não sair para a rua a reclamar? Eu não suporto pagar dívidas que não são minhas mas sim de CORRUPTOS que continuam à solta a fazer boa vida.

O anúncio acabou de ser feito por Mário Centeno, ministro das finanças!

VAMOS SAIR À RUA! VAMOS PROTESTAR E SE FOR PRECISO TIRAR AQUELA CAMBADA TODA DE LÁ PARA FORA.

PEÇO UNIÃO A TODOS OS PORTUGUESES. REVOLTEM-SE... Não pudemos continuar a dar de mão beijada o que esta malta quer.

Como é possível? Como? Como é possível assistirmos a tudo isto e não fazermos nada?

ESTOU REVOLTADO E DESTA VEZ NÃO VAMOS CRUZAR OS BRAÇOS!

Quem apoia uma saída em massa para a rua? Para a Assembleia da República?

Isto é uma VERGONHA!


Quatro anos por roubar 508€? Nem quero imaginar quantos anos levará Salgado, Berardo e Companhia!

Este indivíduo levou quatro anos de prisão efectiva por roubar 508€, nem quero imaginar os grandes corruptos da nossa nação, quanto tempo vão levar. Sou apologista que todos os ladrões, sejam eles pequenos ou grandes, têm que levar castigo, mas porra...

Estes Salgados, Berardos e Companhia, roubaram milhões aos Portugueses e continuam cá fora a fazer vida de luxo e a gozar com os Portugueses, e a nossa (in)justiça portuguesa continua a colocar atrás das grades, pequenos infratores (e bem), mas mesmo assim, fecha os olhos aos grandes infratores da lei.

Foi para isto que foram aumentados senhores juizes? Em mais de 700€?

Isto é o País da República das Bananas!










Portugueses trabalham para sustentar parasitas e corruptos que se dizem defensores do povo!

Já faz bastante tempo que não fazia aqui uma breve reflexão sobre o estado caótico em que se encontra o nosso País. Não é novidade nenhuma que andamos a trabalhar para sustentar estes parasitas da nossa sociedade. Mas qual é a solução?

A solução passa para que de uma vez por todas possamos sair a para a rua e exigir o que é nosso. Exigir melhor qualidade de emprego, saúde, reformas aumentadas para os nossos idosos. Acabar com o RSI para parasitas da sociedade que nunca mexeram uma palha na vida e ganham centenas de euros ao fim do mês, basta fazer filhos e intimidar os funcionários do estado, que têm tudo e mais alguma coisa, e desenganem-se que não são só os ciganos que fazem isso, há por aí muita gente a fazer vida de luxo que só vive destes subsídios, muitos deles, mesmo por baixo do vosso nariz e nem sabem.

Acho que está na hora de descruzar os braços. Sair para a rua e fazer barulho. Se nós nos unimos para apoiar jogadores da bola a ganhar milhões, então também temos que nos unir…